CONTRACS > LISTAR NOTÍCIAS > GREVE DA POLÍCIA FAZ COMÉRCIO FECHAR AS PORTAS EM SALVADOR (BA)

Greve da polícia faz comércio fechar as portas em Salvador (BA)

01/01/2011

Escrito por:

O medo de arrastões em meio à greve dos policiais militares provocou o fechamento de shopping centers, restaurantes e postos de combustível em Salvador. Duas universidades privadas suspenderam as aulas noturnas.

O shopping Iguatemi, o mais movimentado da capital, estava fechado às 20h de ontem --duas horas antes do horário normal.
As lojas do maior centro comercial da Barra, bairro da orla muito visitado por turistas brasileiros e estrangeiros, encerraram o expediente às 17h e mandaram os trabalhadores para casa.

No mesmo horário, dois outros shoppings fecharam as portas no Itaigara, bairro de classes média e alta.

As ruas da região estavam praticamente desertas por volta das 20h30 de ontem, cena incomum no verão, quando restaurantes e bares lotam no horário."Fechamos antes porque a gente não tem segurança para a gente voltar para casa", contou o comerciário Francisco Pereira Filho, 28, em um ponto de ônibus.

No bairro vizinho de Cidade Jardim, posto de combustíveis e restaurantes também encerraram as atividades por volta das 20h.

"O normal é ficarmos abertos até meia-noite, mas não há policiais na rua e pode haver arrastão", contou a gerente de uma loja de conveniências do local, pedindo para não ser identificada.

Boatos de grupos percorrendo ruas para roubar também provocaram o fechamento de lojas da rua Sete de Setembro, no centro, ainda no final da tarde de ontem, mas não se confirmaram.

O segundo dia da greve coincidiu com a Festa de Iemanjá, uma das mais populares da cidade. No bairro do Rio Vermelho, onde milhares de fiéis foram depositar oferendas para a divindade do candomblé durante a manhã e à tarde, PMs trabalhavam normalmente, com rondas e pontos de observação.

Fonte: Folha de S.Paulo

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

TV CUT
João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta solidariedade a sindicalistas coeranos presos.
João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta solidariedade a sindicalistas coeranos presos.

João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta(...)

RÁDIO CUT
Conexão Sindical Condomínio Facebook Twitter Contracs Rede Brasil Atual Fenascera Fecesc Fetracom-DF Fetrace Fetracom-PB Fetracs Fetracs-RN Fetracs RS Fenatrad Fetracom/MS Fenadados

Todos os Direitos Reservados © CONTRACS
Sede: Quadra 1, Bloco I, Edifício Central, salas 403 a 406 | Setor Comercial Sul | CEP: 70304-900 | Brasília | DF
Telefone:(55 61) 3225-6366 | Fax:(55 61) 3225-6280
Subsede: Avenida Celso Garcia, 3177 | Tatuapé | CEP: 03063-000 | São Paulo | SP
Telefones:(55 11) 2091-6620 / 2091-2253 / 2092-5515 / 2225-1368 | Fax:(55 11) 3209-7496
www.contracs.org.br | contracs@contracs.org.br