CONTRACS > LISTAR NOTÍCIAS > CHAMADO URGENTE CONTRA A INTIMIDAÇÃO DOS TRABALHADORES DO WALMART

Chamado urgente contra a intimidação dos trabalhadores do Walmart

04/06/2012

Uni chama afiliados a participarem da Campanha para acabar com a intimidação dos trabalhadores do Walmart e pede a renúncia do CEO e do presidente por acusações de fraude

Escrito por: UNI

Antes da reuniãoanual de acionistas da Walmart um grupo de empregados do Walmart nos Estados Unidos foi intimidado pela polícia por tentar falar em um evento acionista da empresa. Enquanto distribuía folhetos sobre a necessidade de melhorar as condições de trabalho, um grupo de policiais, completos com uma unidade K-9 começou a questioná-los com perguntas intimidatórias, pedindo a identificação do trabalhador e até mesmo ameaçando prender os trabalhadores. Ao invés de apenas pedir aos funcionários do Wal-Mart para sair, eles perguntaram sobre a sua situação de trabalho com o Walmart, exigiu identificação e até mesmo números de seguridade social.

 

O Secretário Geral do Sindicato Global UNI, Philip Jennings disse: Nós não podemos permitir que os trabalhadoresdo Walmart sejamintimidados por se levantar por seus direitos. Liberdade de expressão é um direito constitucional nos Estados Unidos e está sendo abusada com o que aconteceu com estes trabalhadores norte-americanos do Walmart esta semana. Isso é sintomático do anti-sindicalismo do Walmart e da posição anti-trabalhador nos Estados Unidos e Canadá. "

 

Jennings continuou “Os executivos do Walmart não estão praticando o que chamam de integridade com mais de 2 milhões de trabalhadores. Onde está a integridade nas táticas valentonas usadas pelo Walmart para assustar fora organizar as melhoras condições de trabalho?”

 

“Os trabalhadores e acionistas têm o direito e o dever de perguntar o presidente-executivo Mike Duke , onde ele fica em integridade considerando que ele teria sido plenamente informado sobre as alegações de fraude no valor de R$ 24 milhões em subornos no México e deixou de agir adequadamente. Ele deve se olhar no espelho antes de falar sbre integridade. Como também deve ter o CEO Rob Walton. UNI continua promovendo mudanças na Aliança Walmart e nas nossas filiais norte-americanas, incluindo o chamado para que Duke e Walton renunciem e permitam um pouco de ar fresco nas salas de reuniões do Walmart.” Concluiu Jennings.

 

A UNI Comércio está lutando para melhorar as condições de trabalho dos trabalhadores do Walmart ao redor do mundo e chamando o Walmart a assinar um acordo global de trabalho para estabelecer um padrão de trabalho. A entrada do Walmart  na África do Sul é controverso e após exaustivos processos judiciais ainda e objeto de um estudo de alto nível ordenado pelos tribunais sul-africanos a fim de proteger os trabalhadores na cadeia de abastecimento. Na Índia, a entrada completa do Walmart no mercado de varejo tem sido paralisado por protestos contra o investimento estrangeiro direto. O Walmart pretende dominar o mercado de varejo global com um modelo desacreditado. Agora é um momento para uma ação concentrada de todos os interssados para mudar a cultura do Walmart e introduzir o verdadeiro valor da integridade.

 

Os afiliados da UNI estão solidários aos trabalhadores do Walmart em sua luta por mudanças, manifestando-se sobre o assunto na página do Walmart do Facebbok e do twitter.

 

1 – Mude seu status do Facebook com seguinte mensagem e certifique-se de tomar as medidas descritas abaixo também:

“A reunião de acionistas do Walmart é sexta-feira, envie uma mensagem para http://on.fb.me/Lil51T dizendo: Termine o seu duplo padrão: Recompensa os trabalhadores pelo seu duro trabalho e diga a Walton e Duke renunciarem. Poste isso como seu status se você acha que o Walmart deve terminar com seu padrão duplo.

 

2 – No Twitter, Walmart está usando a hastag #WMTshares para o encontro dos acionistas. Twite com a seguinte mensagem: “Termine com seu padrão duplo #Walmart: Recompense o trabalho duro e diga a Walton e Duke para renunciar! #WMTshares http://bit.ly/KSiNDH

Se todos nós trabalharmos juntos para expor, podemos ter certeza de que os trabalhadores serão ouvidos na reunião anual dos acionistas do Walmart.

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

TV CUT
João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta solidariedade a sindicalistas coeranos presos.
João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta solidariedade a sindicalistas coeranos presos.

João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta(...)

RÁDIO CUT
Conexão Sindical Condomínio Facebook Twitter Contracs Rede Brasil Atual Fecesc Fetrace Fetracom-DF Fetracom-PB Fetracs-RN Fetracs Fetracs RS Fenatrad

Todos os Direitos Reservados © CONTRACS
Sede: Quadra 1, Bloco I, Edifício Central, salas 403 a 406 | Setor Comercial Sul | CEP: 70304-900 | Brasília | DF
Telefone:(55 61) 3225-6366 | Fax:(55 61) 3225-6280
Subsede: Avenida Celso Garcia, 3177 | Tatuapé | CEP: 03063-000 | São Paulo | SP
Telefones:(55 11) 2091-6620 / 2091-2253 / 2092-5515 / 2225-1368 | Fax:(55 11) 3209-7496
www.contracs.org.br | contracs@contracs.org.br