CONTRACS > ARTIGOS > A PEC 241 É UM ATAQUE AOS DIREITOS TRABALHISTAS E AS CONQUISTAS DO NOSSO POVO!

A PEC 241 é um ataque aos direitos trabalhistas e as conquistas do nosso povo!

Escrito po: Eliezer Gomes, secretário de relações internacionais da Contracs

31/10/2016

Com a chegada do governo golpista ao poder no Brasil (tendo a frente o Michel Temer), o povo brasileiro, e em especial os trabalhadores e as trabalhadoras, passou a conviver com uma realidade funesta, que aponta literalmente para um futuro de morte! Aliás, o principal objetivo do golpe aplicado no Brasil recentemente foi destituir da Presidência da República uma governante honesta, honrada e firme, eleita por quase 55 milhões de brasileiros e brasileiras, que além de dar continuidade ao projeto popular de inclusão social iniciado no governo Lula, não aceitou a imposição de retrocessos e retiradas de direitos da classe trabalhadora.

Com o avanço contínuo das conquistas sociais no Brasil a partir dos governos petistas, inegavelmente comprometidos com as classes menos favorecidas, houve um verdadeiro rebuliço no seio das elites brasileiras que passaram a conspirar contra o país a partir da sabotagem a politica econômica e manobras no Congresso Nacional (um dos piores e mais corruptos de todos os tempos) criando um clima de ingovernabilidade, tudo isso sob o comando da classe empresarial, da grande mídia e parte do judiciário.

Com a sabotagem das elites, o país passou a sofrer reveses nas áreas econômica, social e principalmente na política que é o palco central de todas as decisões.

O país que vinha em fenomenal ascensão na comunidade internacional - não obstante, a grave crise global passou, aos poucos, a transmitir insegurança e perder credibilidade - fatos estes que, na prática, inibiram e afastaram os investidores internos e externos. Caminhava, então, o Brasil para uma crise preocupante, apesar da solidez construída pelo então governo Dilma através de suas reservas cambiais e pelos fundamentos econômicos estabelecidos, além do controle e hegemonia sobre o pré-sal que representa uma riqueza sem precedentes cujo destino seria fortalecer muito mais nossa economia e reforçar nosso setor educacional.

O fato é que o golpe foi consumado, e, diga-se de passagem, o maior alvo do golpe não foi a presidenta Dilma, mas, através de sua derrubada, a classe trabalhadora e suas conquistas. Tanto é que no dia seguinte ao golpe, o governo golpista anunciava, dentre outras medidas nocivas ao país, um dos projetos mais criminosos contra o povo brasileiro: a famigerada PEC 241, também conhecida como a PEC da Morte.

O que é a PEC 241 – a PEC da Morte? É um projeto de emenda à Constituição apresentado ao Congresso Nacional pelo governo golpista com o intuito de congelar (deixar de fazer) investimentos no país durante 20 anos.

Caso a PEC da Morte seja definitivamente aprovada no Congresso Nacional, o Brasil deixará de ser uma das nações mais fortes do mundo e passará a fazer parte de um grupo bisonho de países decadentes e sem futuro; a saúde, a ciência e a tecnologia, a educação, a segurança pública e o desenvolvimento econômico estarão em “xeque.” O fim das políticas públicas, tais como: Pró-Uni; Fies; Minha casa, Minha vida; Luz para todos e tantos outros fará com que o país volte aos padrões vigentes nos anos de 1970 - período de profunda dependência ao poderio imperialista, recessão e massacre ao nosso povo.

Você já pensou? durante 20 anos, zero de investimentos na saúde, na educação, em políticas públicas, mais achatamento salarial, inclusive com a desvalorização do salário mínimo e em consonância com os projetos precarizantes, as retiradas de direitos trabalhistas, tais como: Terceirização e tentativa de rasgar a CLT com a implantação do negociado sobre o legislado.

#vamosàlutanãoaPEC241
#nenhumdireitoamenos
#foratemer

Eliezer Gomes, secretário de relações internacionais da Contracs

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

TV CUT
Tutorial: Saiba como participar da campanha pela anulação da Reforma Trabalhista
Tutorial: Saiba como participar da campanha pela anulação da Reforma Trabalhista

#AnulaReforma

RÁDIO CUT
Facebook Twitter Contracs Fecesc Fetrace Fetracom-DF Fetracom-PB Fetracs-RN Conexão Sindical Rede Brasil Atual

Todos os Direitos Reservados © CONTRACS
Sede: Quadra 1, Bloco I, Edifício Central, salas 403 a 406 | Setor Comercial Sul | CEP: 70304-900 | Brasília | DF
Telefone:(55 61) 3225-6366 | Fax:(55 61) 3225-6280
Subsede: Avenida Celso Garcia, 3177 | Tatuapé | CEP: 03063-000 | São Paulo | SP
Telefones:(55 11) 2091-6620 / 2091-2253 / 2092-5515 / 2225-1368 | Fax:(55 11) 3209-7496
www.contracs.org.br | contracs@contracs.org.br