CONTRACS > ARTIGOS > DIA 28 DE ABRIL, GREVE GERAL NO BRASIL CONTRA O GOLPE DA PREVIDÊNCIA!

Dia 28 de abril, GREVE GERAL no Brasil contra o golpe da Previdência!

Escrito po: Eliezer Gomes, secretário de relações internacionais da Contracs

05/04/2017

Atualmente, no Brasil, um dos assuntos mais falados na grande mídia é a reforma previdenciária cujo projeto encaminhado ao Congresso Nacional pelo Governo golpista e ilegítimo do Michel Temer poderá ser aprovado, colocando, assim, na prática, um ponto final no direito à aposentadoria de milhões de trabalhadoras e trabalhadores brasileiros.

Dentre outras exigências absurdas, o projeto apresentado pelo usurpador Temer estabelece que para poder se aposentar integralmente, o trabalhador, seja ele homem ou mulher, terá que trabalhar e contribuir (obrigatoriamente) por, no mínimo, 49 anos ininterruptos, ou seja,  uma meta quase que impossível de ser atingida. E, caso seja por alguns/as, não valerá a pena, pois o valor a ser pago pelos trabalhadores durante quase meio século, ou mais, com certeza será infinitamente maior do que o hipotético benefício “pé na cova” a ser recebido.

A chamada contribuição previdenciária, a partir do projeto golpista, haja visto suas características, deixa de ser uma espécie de provisão, caixa beneficente (autofinanciada) ou um instrumento de proteção para trabalhadores e trabalhadoras após suas longas jornadas de trabalho e passa a ser mais um altíssimo tributo a ser arrancado compulsoriamente da sofrida classe trabalhadora brasileira.

Enquanto o Governo ilegítimo tenta penalizar, com força, os/as trabalhadores/as brasileiros/as com esse projeto absurdo, que tem a simpatia e o apoio de grande parte dos parlamentares brasileiros, grandes e médias empresas se apropriam indevidamente dos recursos da previdência, sem que sofram se quer alguma sanção punitiva em decorrência desse grave crime.

Enquanto, de forma compulsória, são retirados dos holerites dos trabalhadores brasileiros até 11% de seus salários, percentuais estes, originalmente recolhidos para alimentar a previdência, dezenas de empresas sonegam e se apropriam desses valores, cometendo duplo crime – contra os trabalhadores e contra o INSS.

Empresas como a JBS (Friboi), Bradesco, Vale S/A e tantas outras, com suas sonegações, simplesmente demandam uma gigantesca quantia de 426 bilhões de reais desviados sem que o Governo brasileiro tome qualquer atitude enérgica para reaver essa grana, que representa quatro vezes o valor previsto a ser arrecadado em caso de uma reforma fiscal no Brasil, para se ter uma ideia.

Está claro que não existe rombo na previdência, mas uma fabulosa sonegação e desvio do dinheiro do trabalhador por parte de uma camada significativa do empresariado que atua no mercado brasileiro.

Diante dos fatos, cabe não só aos trabalhadores, mas ao povo brasileiro denunciar, rejeitar e impedir a aprovação de mais esse projeto golpista contra a classe trabalhadora.

Só há uma saída: o povo nas ruas!

Todos rumo a GREVE GERAL do dia 28/04

Todo apoio a CPI da Previdência!

Fora Temer – Inimigo dos trabalhadores!

 

Eliezer Gomes, secretário de relações internacionais da Contracs

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

TV CUT
Senadora Gleisi Hoffmann fala sobre a campanha
Senadora Gleisi Hoffmann fala sobre a campanha "Anula Reforma"

http://anulareforma.cut.org.br

RÁDIO CUT
Facebook Twitter Contracs Fecesc Fetrace Fetracom-DF Fetracom-PB Fetracs-RN Conexão Sindical Rede Brasil Atual

Todos os Direitos Reservados © CONTRACS
Sede: Quadra 1, Bloco I, Edifício Central, salas 403 a 406 | Setor Comercial Sul | CEP: 70304-900 | Brasília | DF
Telefone:(55 61) 3225-6366 | Fax:(55 61) 3225-6280
Subsede: Avenida Celso Garcia, 3177 | Tatuapé | CEP: 03063-000 | São Paulo | SP
Telefones:(55 11) 2091-6620 / 2091-2253 / 2092-5515 / 2225-1368 | Fax:(55 11) 3209-7496
www.contracs.org.br | contracs@contracs.org.br