CONTRACS > ARTIGOS > A JUVENTUDE BRASILEIRA E O RAMO DE COMÉRCIO E SERVIÇOS

A juventude brasileira e o ramo de comércio e serviços

Escrito po: Pedro Mamed Maciel, Secretário de Juventude

10/08/2012

Desde seu 7º Congresso, a Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio e Serviços da CUT avalia a construção de um amplo e combativo movimento de jovens trabalhadores como de grande importância e algo de dimensão estratégica para o movimento sindical.

 

De acordo com dados do IBGE/Pnad de 2009, 141.819.000 pessoas no Brasil estão com mais de 16 anos de idade, ou seja, idade economicamente ativa. Deste total, 33% (44.340) são jovens de 16 a 29 anos e 28.954 jovens estão ocupados sendo que menos da metade (45,2%) possuem registro em carteira.

 

O Sistema PED, ao mesmo tempo, revela a importância da atividade comercial para a força de trabalho jovem das regiões metropolitanas. Como neste segmento existe mais facilidade dos jovens obter um posto de trabalho, em comparação com os demais setores, em 2008 a maior parcela da população dos ocupados no comércio tinha entre 16 e 24 anos.

 

Por isso, a Contracs incentiva o trabalho de organização da juventude no ramo de forma que as entidades filiadas organizem secretarias, coletivos ou departamentos juvenis, firmando espaço próprio para a juventude para que suas lutas específicas, reivindicações e anseios possam ser ouvidos pelo movimento sindical e atendidos durante as negociações coletivas.

 

Entre as lutas defendidas pela Contracs para a juventude está a redução da jornada de trabalho sem redução de direitos, permitindo que esta parcela da população possa concluir seus estudos em consonância com a jornada de trabalho. Afinal, dados confirmam que uma grande parcela da juventude empregada acaba por deixar os estudos por incompatibilidade de jornada.

 

A confederação também coopera com as organizações de juventude em todo o Brasil e, por isso, possui uma Secretaria Nacional de Juventude que planeja e dirige a construção de um movimento voltado para a organização da categoria, que tem uma forte presença juvenil.

 

Imbuídos do espírito de luta comemorado em 12 de agosto – Dia Internacional da Juventude, a Contracs organiza, na próxima semana, o Encontro Nacional da Juventude em Brasília. Em pauta estarão temas de extrema importância para a organização da juventude, tais como o Estatuto da Juventude, as estratégias de inclusão da juventude no movimento sindical, redes sociais e política de formação. Por fim, o encontro deverá elaborar estratégias e ações, que serão levados adiante pela secretaria de juventude da Contracs.

 

Que neste 12 de agosto, a juventude permaneça unida e se inspire na pauta defendida pela nossa Central Única dos Trabalhadores e se coloque em luta para que direitos sejam garantidos e respeitados.

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

TV CUT
João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta solidariedade a sindicalistas coeranos presos.
João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta solidariedade a sindicalistas coeranos presos.

João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta(...)

RÁDIO CUT
Aposentômetro Conexão Sindical Condomínio Facebook Twitter Contracs Rede Brasil Atual Fecesc Fetrace Fetracom-DF Fetracom-PB Fetracs-RN Fetracs Fetracs RS Fenatrad

Todos os Direitos Reservados © CONTRACS
Sede: Quadra 1, Bloco I, Edifício Central, salas 403 a 406 | Setor Comercial Sul | CEP: 70304-900 | Brasília | DF
Telefone:(55 61) 3225-6366 | Fax:(55 61) 3225-6280
Subsede: Avenida Celso Garcia, 3177 | Tatuapé | CEP: 03063-000 | São Paulo | SP
Telefones:(55 11) 2091-6620 / 2091-2253 / 2092-5515 / 2225-1368 | Fax:(55 11) 3209-7496
www.contracs.org.br | contracs@contracs.org.br